quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Ano Novo 



 O ano está acabando, e o livro aqui do meu lado, com uma mancha de suco de uva causada por um incidente na peça Ouija da escola, só comprova algo que eu já sabia: sou desastrada pra caramba, e isso não mudou. Acho difícil mudar. Se for contar os inúmeros desastres que cometi esse ano, e em todos os outros... Talvez agora fosse uma boa hora para se ler o livro que uma colega de sala indicou, intitulado "O Belo Desastre". Pelo nome parece ter vindo bem a calhar.